Seguidores

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Quem vai clamar em favor do seu casamento?








" A sabedoria clama lá fora; pelas ruas levanta a sua voz." Pv 1:20
Hoje vamos meditar no segundo tipo de voz: A voz do que clama.
João disse:" Eu sou a voz do que clama no deserto: Endireitai o caminho do Senhor, como disse o profeta Isaías". Jo 1:23
O deserto é lugar de clamor. Deserto é lugar de experimentar milagres. Deserto é lugar de ver a glória de Deus. Deserto é lugar de adoração. 
O segredo para fazer um jardim brotar em meio ao deserto é ser uma voz que clama.
O que é clamar?
Clamar é amar o suficiente para pedir ajuda.
Clamar é se abrir para receber favor.
O favor de Deus abre as portas do impossível pra você! Clamar é reconhecer  humildemente sua condição de necessidade. Ao clamar, você engrandece o receptor do seu pedido. Ao clamar, você reconhece que ele tem algo do qual necessita e deseja. 
"Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes". Jr 33:3
Quando você clama,  reconhece que Deus é poderoso para mudar as circunstâncias desfavoráveis em sua vida. 
Qual a diferenca entre clamar e reclamar? É bem simples. Quando você reclama, fala dos seus problemas a alguém que não tem poder para solucioná-los. Quando você clama, fala dos mesmos problemas, mas a alguém que tem a solução em suas mãos. A reclamação aumenta sua insatisfação. O clamor gera fé e expectativa de milagre. A reclamação torna um Deus amoroso e fiel num Deus mentiroso. O clamor se rende diante do amor  e da fidelidade do Deus Todo Poderoso, que se inclina para nos ajudar em todas as nossas fraquezas.
Quando faltou agua no deserto, o povo murmurou. Na verdade, tudo o que eles precisavam fazer era clamar ao Pai. A dificuldade era um teste de confiança no amor e no cuidado do Senhor. 
"E, porque sois filhos, Deus enviou aos vossos corações o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai." Gl 4:6
" E qual o pai de entre vós que, se o filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou, também, se lhe pedir peixe, lhe dará por peixe uma serpente?" Lc 11:11
Deus tem prazer em trazer provisão em nosso deserto. Ele ama ver que o nosso coração não desfalece, mas se abre para receber a sabedoria e a criatividade do Espírito Santo em meio aos problemas mais difíceis
Pare de reclamar e comece a clamar. Hoje é um dia exclusivo. Você nunca o viveu antes. Clame ao Pai por sabedoria em sua vida. 
Nunca passe mais tempo reclamando do que o tempo que você investe intercedendo! Antes de falar com qualquer pessoa sobre as suas dificuldades, peça sabedoria ao Senhor. Ele vai te mostrar quem pode te ajudar a conquistar a promessa de viver um casamento extraordinário. Clame ao Senhor e se abra para receber graça e favor em seu casamento! O Espírito Santo te ajuda. Ele esta clamando, intercedendo por você e através de voce! 


“Se você não mudar a direção, terminará exatamente onde partiu.” – Antigo Provérbio Chinês.


Comece com  uma oração:


" Querido Pai, eu te louvo pelo teu cuidado nas pequenas e nas grandes coisas. Quantos milagres eu já experimentei! Senhor, livra-me das atitudes do seu povo no deserto. Eu quero olhar para o alto. O meu socorro vem do Senhor. Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei, porque tu estás comigo. Eu venho orar diante do teu trono, clamando pelo teu favor. Estenda o teu cetro de amor sobre o meu casamento, Senhor! Eu me coloco de joelhos diante de ti, me prostro aos teu pés, e derramo a minh'alma, Pai amado. Enche-me da tua sabedoria. Me ajude a honrar meu marido dia após dia, como eu quero honrar a ti. Eu sei em quem tenho crido. Eu sei que o meu Redentor vive! Em nome de Jesus, declaro que estou no caminho para um casamento extraordinário!" 


Vigésimo- Sexto Dia:


" Tendo-se levantado de madrugada, saiu e foi para um lugar deserto e ali orava." Mc 1:35


Lembre-se: Você é responsável pelos seus pensamentos, crenças, sentimentos e atitudes diante das situações da vida. No seu casamento, você influencia, mas não determina os pensamentos, crenças, sentimentos e atitudes do seu esposo. Você não é culpada das escolhas dele. Mas você é responsável pelas suas próprias reações `as atitudes dele.
Durante esses dias, ao invés de reclamar para o seu marido e sobre o seu marido para alguém, fale com o seu Aba, seu Pai. Clame ao Senhor pelo seu esposo. Coloque-se como intercessora dele. Use o seu manto sacerdotal. O seu clamor será ouvido no alto e o seu Pai te recompensará. Posicione-se! Escolha manter diariamente uma atitude de honra para com aquele que foi colocado como cabeça sobre você.
Passe pelo menos 15 minutos em oração em seu quarto, clamando pelo seu marido ainda hoje. 

Fonte: Alda Célia Cavagnaro.

Um comentário:

  1. Oi Lu.Eu vou tentar hoje...ta um pouco dificil(morte de uma amiga do blog heidegeist e gripe).Obrigada pela licao.Deus te abencoe.Bju.Lu.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin