Seguidores

sábado, 22 de outubro de 2011

Derrame óleo sobre o santuário!




Não sabeis que sois o santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?" I Co 3:16
"Farás o óleo sagrado da unçao...e com ele ungirás o Tabernáculo, para que seja santo". Ex 30:22-29
Ester recebeu a unção de mirra.

Antes de se apresentar ao Rei, Ester se preparou. Sua primeira instrução ao entrar no palácio foi que se ungisse com óleo de mirra por 180 dias.Fica bem claro que a essência de mirra é o delicioso perfume que o rei desejava sentir quando ela entrasse em sua presença.A palavra mirra é mencionada 18  vezes nas Escrituras, sendo 8 vezes  só em Cantares. 
A mirra é um dos principais ingredientes do óleo sagrado da unção, que deveria ser administrado nos sacerdotes e no Tabernáculo, a pedido do próprio Deus, o Rei do Universo!
Naquela época, todo perfume era um óleo aromatizado com preciosas essências. 
Todos os dias, por 6 meses, Ester se ungia. Seu corpo estava sendo totalmente coberto com esse óleo perfumado. 
O resultado?  Por onde Ester passava, o perfume ficava.
Além disso, sua pele se tornou macio como a de um bebê. Sim, pois além de perfumar, a mirra é adstringente, cura feridas, restaura a saúde bucal, cura infecções,  faz bem ao estômago, celulite... enfim, tem várias propriedades. 

De onde vem a mirra, a fragrância predileta do coração do rei ?

Ela não é uma essência comum. Não se encontra facilmente. É preciosa. É rara. É de grande valor. É importada. Vem da casca da uma árvore, do Oriente Médio, Índia e África. Um corte no seu tronco faz escorrer uma resina, em formato semelhante a uma lágrima,  que se transforma em gel. Essa resina, depois de seca, é batida até que se torne um fino pó. Essa preciosidade era então colocada no óleo, impregnando-o do perfume agradável capaz de satisfazer ao olfato mais exigente dos reis. 




E a origem da palavra mirra?
Vem do hebraico “more”, ou "marar, que significa: 
1. amargo, força, forte, enraivecido.
2. “More” também significa fluir.
É a raiz dos nomes Mara, Maria e Miriã.
Representa uma força interior que te leva a tomar uma atitude, diante das feridas que te machucam. Não se conformar, mas tomar posição.
A mirra significa morte da carne para ressuscitar no Espírito.
" Se eu morrer, morrerei". Disse Ester.
A ira nem sempre é ruim. Ela é um sinal que algo precisa mudar. 
A mirra simboliza o sentimento intenso, a força que vem dentro de você diante de uma situação de injustiça que te leva a agir com graça e sabedoria,  conquistando impossíveis.
É bom lembrar que a mirra também simboliza prosperidade, visto que na época de Jesus, ela valia 7 vezes mais que o ouro!


Como é possível fluir suavidade, doçura e perfume do amargo sabor da mirra?
O segredo está no óleo.
Coloque no óleo, símbolo do Espírito Santo,  todas as suas dores, e Ele transformará em doçura todo o seu amargor. 
Aquilo que te traz amargura é o sinal  mais forte de algo que você foi designada para curar.
 A sua verdadeira essência virá a tona para perfumar e curar os lugares por onde passar.
O Espírito Santo é capaz de transformar suas lágrimas em perfume para os seus sonhos impossíveis  .
Deixe que o óleo da unção, símbolo da pessoa, da presença e do poder do Espírito Santo, transforme suas dores em perfume de adoração.  Entre  na sala do trono, e alcance o favor do Rei que vai mudar totalmente a sua história.
Comece com  uma oração:


( Sugiro que você tenha um frasco de óleo de unção para se ungir quando for orar. Unja sua mente, seu coração, suas mãos... cante um louvor,  e faça essa oração.)


“ Espírito Santo, eu sou teu santuário, sou tua habitação. E assim como o tabernáculo precisava ser ungido antes da tua glória se manifestar, eu preciso da tua unção. Eu não quero agir na força da minha carne, mas ser completamente dependente da tua sabedoria, do teu amor. Perfuma-me de ti, Espírito Santo, tu és bem vindo em minha mente, em meu coração, no meu falar, no meu agir. Purifica-me das memórias amargas, sara as minhas feridas com o teu oleo, e santifica o meu interior para que a glória do Senhor se manifeste na minha família. Eu te amo,  Senhor! Em nome de Jesus, amem!”


Nono Dia:

"O amor não se conduz incovenientemente, não exaspera, não se ressente do mal". 
1 Co 13:5

Quando um casal chega ao ponto de separação, é geralmente com muitas emoções negativas. A tentação é a de expressar essas emoções em palavras duras e ataques brutais. Nada agrada mais a Satanás do que ver duas pessoas que deviam lutar uma pela outra lutando entre si. O caminho de Deus é amor no meio da dor. Cristo nos amou, quando ainda estávamos matando-o.

Se alguma situação traz amargura e ira a sua alma, lembre-se que voce tem a essencia do amor te perfumando.
Não grite. Nao  fique se queixando. Faça sugestões. 
Fale gentilmente. Fale suavemente. Aja com maturidade.
Deixe que as palavras fluam com  encorajamento genuíno.
As escrituras dizem, "o amor não é rude. O oposto da grosseria é cortesia. A palavra significa ser "simpático" -  tratar seu cônjuge como um amigo. Não há nada a ganhar com brigas e gritaria. "A resposta branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira"(Provérbios 15:1). Certamente você precisa discutir questões,mas não no modo de ataque.  Fonte: Alda Célia Cavagnaro.

Um comentário:

  1. Olá,querida
    Cada passagem bíblica de cortar o coração... Lindíssimo post!!!
    Parabéns!!!
    Bjm de paz e ótimo fim de semana

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin