Seguidores

domingo, 18 de abril de 2010

Flor Rara.


Havia uma jovem muito rica, que tinha tudo: um marido maravilhoso, filhos perfeitos, um emprego que lhe pagava muitíssimo bem, uma família unida. O estranho é que ela não conseguia conciliar tudo isso, o trabalho e os afazeres lhe ocupavam todo o tempo e a sua vida estava deficitária em algumas áreas. Se o trabalho lhe consumia muito tempo, ela tirava dos filhos, se surgiam problemas, ela deixava de lado o marido... E assim, as pessoas que ela amava eram sempre deixadas para depois.

Até que um dia, seu pai, um homem muito sábio, lhe deu um presente: uma flor muito cara e raríssima, da qual havia um apenas exemplar em todo o mundo.
E disse à ela:
- Filha, esta flor vai te ajudar muito mais do que você imagina!
Você terá apenas que regá-la e podá-la de vez em quando, ás vezes conversar um pouquinho com ela, e ela te dará em troca esse perfume maravilhoso e essas lindas flores.

A jovem ficou muito emocionada, afinal a flor era de uma beleza sem igual.
Mas o tempo foi passando, os problemas surgiam, o trabalho consumia todo o seu tempo, e a sua vida, que continuava confusa, não lhe permitia cuidar da flor.
Ela chegava em casa, olhava a flor e as flores ainda estavam lá, não mostravam sinal de fraqueza ou morte, apenas estavam lá, lindas, perfumadas. Então ela passava direto. Até que um dia, sem mais nem menos, a flor morreu.
Ela chegou em casa e levou um susto! Estava completamente morta, caídas e suas folhas amarelas.
A jovem chorou muito, e contou a seu pai o que havia acontecido.
Seu pai então respondeu:
- Eu já imaginava que isso aconteceria, e eu não posso te dar outra, porque não existe outra igual a essa, ela era única... assim como seu marido, seus filhos e sua família. Todos são bênçãos que o Senhor te deu, mas você tem que aprender a regá-los, podá-los e dar atenção a eles, pois assim como a flor, os sentimentos também morrem. Você se acostumou a ver a flor sempre lá, sempre florida, sempre perfumada, e se esqueceu de cuidar dela.


Será que estamos dando a devida atenção as pessoas que estão a nossa volta? Será que os afazeres do dia-a-dia, a rotina muitas vezes puxada, tantos compromissos e problemas, não estão desviando nossa atenção daquilo de mais precioso que temos?
Cuide bem de sua família, do seu casamento e de seus filhos.
Tenhamos sabedoria e discernimento para conduzir nossa família com o amor de Deus, pois foi Ele que nos capacitou de maneira especial para darmos conta de tantas coisas.

"Toda mulher sábia edifica a sua casa, mas a tola derriba-a com as suas mãos." (Provérbios 14:1)

4 comentários:

  1. simplesmente maravilhosa essa historia...acontece sempre e ta acontecendo comigo.Deus te abencoe pela palavra.Beijos.Luciene.

    ResponderExcluir
  2. Linda a historia, muito boa para comerçarmos mais uma semana e refletir se estamos dando o devido valo aqueles que estão ao nosso lado.
    Deus te abençõe. Bjs...

    ResponderExcluir
  3. Olá amada! Estou passando pra te desejar uma semana abençoada e vitoriosa!!!
    bjos
    Graça e Paz!

    ResponderExcluir
  4. Lú, que linda mensagem!Vc sabe que todas corremos o risco de passar por isso,não é?Que Nosso Senhor nos abençõe muiiiitíssimo com sabedoria, é o que sempre peço...Sabedoria.Obrigada minha amiga por compartilhar conosco uma mensagem tão bonita.Que Ele te ilumine e abençõe sempre!Bjão,Rê.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin